• Cnutrir

Orientações para abertura de restaurantes

CONFIRA 16 ORIENTAÇÕES PARA UM AMBIENTE ADEQUADO

Reforce com sua equipe – incluindo entregadores – as medidas de limpeza e higienização e que elas devem ser seguidas rigorosamente.


Os protocolos recomendam fazer reuniões diárias para repassar as orientações.

Funcionários e clientes devem usar a máscara facial, conforme o decreto 64.959 da Secretaria Estadual de Saúde de 4 de maio. Tenha máscaras extras para fornecer aos clientes que eventualmente estiverem sem. O decreto autoriza que o estabelecimento impeça a entrada de pessoas sem máscara.

As máscaras de tecido devem ser trocadas a cada duas horas ou quando úmidas. Para mais segurança, pode-se utilize uma proteção facial de acrílico, que cobre todo o rosto, conhecida como “face shield” ou viseira acrílica, que deve ser higienizada frequentemente.

Uniformes e equipamentos de proteção não devem ser compartilhados. De preferência, que os funcionários se troquem no local do trabalho, ao chegar e ao sair e devem ser trocadas diariamente.

Uniformes devem ser lavados em lavanderias profissionais. Se a limpeza é de responsabilidade do funcionário, ele deve transportar as peças em saco plástico.

As áreas dos caixas e de balcão podem ganhar uma divisória de acrílico para ficar entre os atendentes e os clientes.

Higienize as mãos antes de lidar com as embalagens e não apenas aquelas para alimentos.

Mantenha atenção no contato entre fornecedores e funcionários durante o recebimento de mercadorias.

Siga a legislação e o manual de boas práticas que pautam a segurança no recebimento de mercadorias.

Limite a quantidade de pessoas dentro do estabelecimento. Marque a distância de, no mínimo, um metro entre as pessoas na filas. Mantenha o local arejado.

Aumente a frequência de limpeza de pisos, de superfícies, da copa/cozinha e dos banheiros.

Não esqueça de higienizar também corrimãos, maçanetas, interruptores, puxadores e material de escritório como canetas, mouse, teclado e telefones.

Cardápios, comandas, maquininhas de cartão, chaves e todo e qualquer objeto que são tocados por clientes e funcionário devem ser higienizados após cada uso.

A higienização pode ser feita com álcool líquido, álcool gel ou com uma solução feita de água,  água sanitária na proporção: 25ml de água sanitária para 1 litro de água para superfícies e objetos ou 50ml de água sanitária para 1 litro de água se for para pisos e banheiros. Nunca use a água sanitária pura, pois dessa forma ela não tem o efeito desinfetante.

Forneça álcool em gel ou líquido 70º INPM/70% para colaboradores e espalhe pelo estabelecimento estações com o produto para os clientes. Atenção: mantenha distante de fontes de calor.

Não use toalhas de pano. Sempre de papel descartável.

Lixeiras devem ser acionadas com o pé ou sensor.

Qualquer colaborador que apresentar sintomas como tosse, febre e dor no corpo deve ser afastado imediatamente e encaminhado ao atendimento médico.

É importante comunicar aos seus clientes que os cuidados com higienização e limpeza também são prioridade nos seus negócios. Você pode fazer isso pelas redes sociais ou tranquilizá-los enviando uma mensagem com o delivery.

E deixe essa comunicação clara nos lugares onde o cliente circula.

Karyna Muniz • Consultora Sebrae-SP | ANR Brasil • Associação Nacional de Restaurantes Decretos e protocolos publicados pelo Estado de São Paulo https://www.saopaulo.sp.gov.br/coronavirus.

11 visualizações